Barison pede e justiça manda Vanda Monteiro retirar propaganda irregular de circulação

Ao atender a uma representação da Coligação Aliança por Palmas, a Justiça Eleitoral suspendeu quase que a totalidade do material de campanha da candidata a prefeita da Capital, Vanda Monteiro (PSL). A decisão publicada neste sábado (24), reconheceu que o material é irregular, pois o nome do vice da candidata, Gerson Alves (PSL), aparece em tamanho inferior ao que é estabelecido na legislação eleitoral, que é 30% do tamanho do nome do cabeça de chapa.

Multa

Todo o material considerado irregular deverá ser retirado nas redes sociais da deputada, bem como em todo e qualquer outro meio de divulgação, inclusive o de compartilhamentos. Foi fixada multa diária de R$ 5 mil em caso de descumprimento da decisão judicial.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: