Estabelecimentos desrespeitam medidas contra Covid-19 e são autuados na capital

Promovida pelas forças de segurança municipal e estadual, a  operação Tolerância Zero, realizou na noite de sábado (26) mais uma ação em diversos pontos e estabelecimentos comerciais das regiões norte e central de Palmas. Os trabalhos de fiscalização seguiram intensificados até o domingo (27), onde vários estabelecimentos comerciais foram autuados por promoverem aglomerações e excederem o horário de funcionamento estabelecido por decretos municipais, como forma de combater o novo Coronavírus.

Os fiscais se depararam com vários estabelecimentos desrespeitando as medidas de flexibilização e efetuaram quatro autos de infrações e seis notificações nos pontos visitados, por aglomeração e funcionamento fora do horário permitido, além de problemas com a documentação de funcionamento.

Em relação ás questões de higienização sanitária e estrutural dos pontos comerciais, as equipes da Vigilância Sanitária Municipal (Visa) efetuaram uma notificação, dois termos de visitas fiscais e outros três termos de educação sanitária. Sendo aplicada também, uma notificação pela equipe do Corpo de Bombeiros.

Também foram realizadas diversas abordagens a motoristas e análises da documentação dos veículos próximos aos estabelecimentos flagrados abertos fora do horário permitido. As ações executadas pelos agentes de Trânsito e Transporte Municipal resultaram no registro de 30 autos de infração, duas remoções de veículos, duas recusas de teste de alcoolemia e uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida.

Praia da Graciosa

A Praia da Graciosa novamente estava repleta de pessoas, colocando em risco a saúde pública, diante do momento de enfrentamento à Covid-19. Prática vem se repetindo principalmente nos finais de semana e as forças de segurança finalizaram os trabalhos no local abordando e dispersando o público. As fiscalizações são comandadas pela Diretoria de Fiscalização Urbana da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Serviços Regionais (Sedusr) e realizada em conjunto pelas equipes da Vigilância Sanitária e de Obras e Posturas, com o apoio operacional dos agentes de Trânsito e Transporte, Guarda Metropolitana de Palmas, Polícia Militar, Polícia Civil e Grupo de Operações Táticas Especiais.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: