Polícia Civil prende quatro suspeitos de roubo e agressão a casal em Pedro Afonso

Foram presos nesta quinta-feira (26), quatros homens com idade entre 19 e 24 anos suspeitos de perseguir, roubar e espancar um casal no último sábado (21) em Pedro Afonso. Um dos homens também teria violentado sexualmente a vítima. O cumprimento dos mandados de prisão preventiva foi cumprido por policiais civis da 50°DP de Pedro Afonso e coordenados pelo delegado de polícia, Bernardo José Rocha Pinto.

O casal estava em uma festa no setor Canavieiras, em Pedro Afonso, quando teriam discutido e ao voltar para casa foram abordados por um veículo com quatro indivíduos, nas imediações do setor Aeroporto II. Os criminosos  conseguiram fechar o veículo das vítimas.

Segundo o relato policial, três homens que estavam no veículo desceram e um ficou na direção, sendo que um deles portava uma arma de fogo e agrediu o casal com socos, chutes e coronhadas, o que provocou lesões na cabeça e rosto das vítimas. Os autores furtaram dois aparelhos celulares, dois pendrives, um facão e um canivete. Um dos suspeitos ainda obrigou a mulher a ter relações sexuais, sob ameaça de que caso não fizesse, agrediria ainda mais o namorado e caso procurassem a polícia seriam mortos.

Após a comunicação do crime a polícia deu início às investigações, quando localizaram o veículo dos autores no bairro onde ocorreu o fato. Na ocasião, um dos homens estava dentro do veículo, com ele foram encontrados um dos aparelhos celulares e o facão, roubados. Os outros três autores também foram localizados e identificados pelas vítimas.

A prisão preventiva foi decretada pelo juiz criminal da comarca e o indivíduo que estava no veículo, também foi autuado em flagrante pelo crime de receptação, uma já que estava com um outro celular roubado em Palmas, e pelo crime de falsa identidade por ter se identificado falsamente no ato do interrogatório.

Um dos autores também responde por nove ações penais de crimes diversos, entre eles roubo, furto e receptação. Ele também tinha um mandado de prisão em aberto, pelo crime de roubo qualificado em Miracema. Dos outros três autores, dois respondem por atos infracionais, cometidos quando eram menores de idade, sendo furto, desobediência e dirigir veículo sem habilitação. Todos foram encaminhados para o presídio de Guaraí.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: