UPA Norte retoma atendimentos de urgência e emergência e ambulatórios voltam para a unidade Francisca Romana

Os atendimentos de urgência e emergência, que são ofertados no Centro de Especialidades Francisca Romana, antiga Unidade da 303 Norte (Policlínica da Arno 31), retornam integralmente nesta segunda-feira (02), para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região Norte. A unidade permanecerá também com os atendimentos aos pacientes com quadro suspeito de síndrome gripal, além de manter 15 leitos reservados para os pacientes com quadro moderado de Covid-19.

O secretário executivo da Semus, Daniel Borini, explica que passada a fase inicial de adaptação à nova realidade assistencial e, considerando o período com a redução do número de casos da doença e do avanço da vacinação, a Secretaria da Saúde, de forma planejada, decidiu pelo retorno gradual das atividades eletivas (agendadas). Sendo assim,a partir desta de segunda-feira(2) ás 14h00, a Prefeitura retomará também a destinação do Centro de Atenção Especializada Francisca Romana Chaves para sua função original de Centro de Especialidades, e não mais unidade de urgência e emergência.

Entenda a mudança

No início do mês de setembro de 2020, quando houve a necessidade de expandir o atendimento aos pacientes de Covid-19 e dar atenção àqueles com quadro exclusivo da doença, a Semus reestruturou os atendimentos da UPA Norte e repassou as urgências e emergências que não tinham relação com a doença para serem atendidas no Centro de Especialidades Francisca Romana. Reinaugurada em 14 de agosto, a unidade tinha passado por adequações em sua estrutura e poderia atender às urgências e emergências que até então eram realizadas na UPA Norte.

O Centro de Atenção Especializada Francisca Romana Chaves passa a atender pacientes agendados pela regulação municipal para as seguintes especialidades e serviços: ginecologia, pediatria, neurologia adulto e infantil, pequenas cirurgias, acupuntura, fisioterapia de reabilitação, endocrinologia, exames de imagem (ultrassom e RX), ambulatório de saúde mental infantil e adulto e dispensação de medicamentos (demanda aberta com receita).

A medida também vai proporcionar o aumento da oferta de consultas e exames, pois, com essa reestruturação, a Capital ampliará o atendimento especializado, passando a contar com três unidades: o Francisca Romana na região Norte; o Ambulatório de Atenção à Saúde (AMAS) Dr. Eduardo Medrado, na região central, e a Policlínica de Taquaralto, na região sul.

Além de ampliar os atendimentos especializados, não haverá redução de leitos de estabilização Covid-19, pois a UPA Sul passou por organização da sua estrutura física para garantir retaguarda suficiente de leitos para pacientes Covid-19. Caso venha a ocorrer um aumento significativo de novos casos, uma nova unidade de urgência na região sul passará a dar suporte para ampliação, podendo a UPA Sul ficar exclusiva para atendimentos Covid-19.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: