Candidato a prefeito recebe doação de campanha do próprio filho de apenas 10 anos no Tocantins

A prestação de contas do vice-prefeito de Porto Nacional e candidato a prefeito da cidade, Ronivon Maciel (PSD), mostra uma doação no mínimo inusitada. De acordo com o documento, ele recebeu do próprio filho, Isaac Viana Maciel, de apenas 10 anos de idade, o repasse de R$ 2 mil. O valor é referente à cessão de um veículo, Renault/Sandero, para uso na campanha.

O carro está no nome do garoto porque todos os bens de Ronivon estão penhorados pela Justiça para o pagamento de dívidas dele e de sua esposa, Keila Viana Ribeiro Maciel, com União e o Estado. Documentos aos quais nossa reportagem teve acesso mostram que o valor total da dívida supera meio milhão de reais.

Irregularidade

Colocar o carro no nome do filho, portanto, seria uma forma de usá-lo como laranja para ocultar o patrimônio do candidato, pois, se revelado, pode ser confiscado pela Justiça e levado a leilão.

Nas redes sociais, os portuenses questionam não apenas a legalidade da doação, mas também a moralidade do candidato, que estaria usando uma criança de dez anos de idade para burlar o Fisco e a Justiça.

Patrimônio

Ao registrar sua candidatura, o candidato declarou à Justiça Eleitoral que seu patrimônio se resume a um lote em Porto e uma moto modelo Biz, avaliados em R$ 7.500.

Porém, uma consulta ao Cartório de Registro de Imóveis do município mostra que há vários imóveis no nome de sua esposa, Keila Viana Ribeiro Maciel.

No entanto, os bens foram penhorados pela Justiça, por meio de ações de Execução Fiscal promovidas pela União (Fazenda Nacional) e o Estado (Fazenda Estadual), para garantir o pagamento de dívidas com os dois entes, que somam mais de R$ 560 mil.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: