Engenheiro agrônomo morre de covid após quase 10 dias depois da esposa também falecer pela doença

O engenheiro agrônomo Roberto Cunha Carvalho, de 70 anos, morreu devido às complicações da covid-19 na noite deste sábado (27) em Palmas.

Servidor da Secretaria de Desenvolvimento Rural (Seder) por mais de 20 anos, o Agrônomo que se aposentou no final do ano passado, estava internado há mais de 30 dias, mas não resistiu.

A esposa do servidor também contraiu a doença e faleceu no último dia 18 de março. O casal deixa três filhos e três netos.

A prefeitura de Palmas emitiu nota de pesar pela morte do servidor.

É com imensa tristeza que a Prefeitura de Palmas, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural (Seder), comunica a morte do engenheiro agrônomo Roberto Cunha Carvalho, de 70 anos, na noite deste sábado, 27, em decorrência de complicações ocasionadas pela Covid-19.

Aposentado desde novembro de 2020, Carvalho trabalhou na Seder por 20 anos, atuando ativamente no desenvolvimento da bovinocultura de corte e leiteira em Palmas. Apaixonado pela profissão, Carvalho era considerado pelos amigos e colegas de trabalho um verdadeiro professor.

Carvalho ficou hospitalizado por 33 dias e durante todo esse tempo lutou bravamente para vencer a doença, ao lado da esposa Glaucia Carvalho, também falecida em decorrência da Covid-19, no último dia 18. Ele deixa três filhos e três netos.

O sepultamento será realizado na manhã deste domingo, 28, no cemitério Jardim das Acácias.

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: