Homem é denunciado pelo Ministério Público por feminicídio em Pequizeiro

Nesta terça-feira (6), o Ministério Público do Tocantins (MPTO), denunciou nesta terça-feira (06), Washinton Luiz Santana de Oliveira pelo crime de feminicídio, cometido na cidade de Pequizeiro, região norte do estado.

Ele é acusado de matar a companheira, a professora Elizabeth Figueiredo em de junho deste ano, após uma discussão entre o casal, ocasionada porque Elizabeth se recusava a dar a chave do seu carro para Washington.

Revoltado, o acusado passou a agredir com tapas a companheira e em seguida, quando ela estava caída no chão da garagem, fez disparo de arma de fogo na cabeça da vítima.

O caso ganhou repercussão na mídia e causou revolta nos moradores do município. Testemunhas afirmaram que antes do disparo, ouviram o acusado gritar “Vou te ensinar como respeita um homem” e uma delas presenciou as agressões físicas. Após praticar o crime e verificar a morte de Elizabeth, o acusado ainda tentou fazer crer que teria sido suicídio e fugiu do local.

Com base nos fatos apontados no inquérito policial, o MPTO ofereceu denúncia por feminicídio, com as qualificadoras de motivo fútil e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima. A ação penal é assinada pelo promotor de Justiça Adriano Zizza, que responde pela 1ª Promotoria de Justiça de Colmeia.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: