Tocantins registrou aumento na formalização de MEIs

A procura pela formalização por meio do registro como Microempreendedor Individual (MEI) continua em ritmo de crescimento no país, mesmo diante das dificuldades impostas pela pandemia da Covid-19. Somente em 2020, foram registrados 2,6 milhões de novos MEI. O número é o maior registrado nos últimos cinco anos, de acordo com levantamento feito pelo Sebrae com dados da Receita Federal. Atualmente, o Brasil já conta com mais de 11,3 milhões de MEI ativos.

Os setores de Comércio Varejista de Vestuário e Acessórios (180 mil); Promoção de Vendas (140 mil); Cabeleireiros, Manicure e Pedicure (131 mil); Fornecimento de Alimentos para Consumo Domiciliar (106 mil) e Obras de Alvenaria (105 mil) seguiram – a exemplo de 2019 – liderando o ranking de atividades com o maior número de MEI criados.

Tocantins

Mesmo com a pandemia e os impactos econômicos causados, os números de formalização de Microempreendedores Individuais no estado do Tocantins em 2020, aumentaram cerca de 8,5 % em relação ao ano de 2019, segundo dados do Portal do Empreendedor e Simples Nacional. O estado já conta com cerca de 75 mil MEIS, que atuam nos setores de serviços (42,3%), comércio (38,1%), construção civil (9,8%) e indústria (9,5%).

Para o superintendente do Sebrae Tocantins, Moisés Gomes, o espírito empreendedor, a inovação e a criatividade foram os principais pilares para que, mesmo na dificuldade, os empresários tenham decidido pela abertura e formalização de negócios.

“Estamos felizes com os números positivos que conseguimos em um ano de dificuldades, e satisfeitos em saber que o Sebrae atuou na formalização de cada novo empreendedor do Tocantins”, explicou.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: